quinta-feira, 29 de julho de 2010

Sonhei, sonhei que todas as pessoas que mais gostava se afastavam de mim, que a terra ficou sem cor, as pessoas já não tinham sentimentos, já ninguém falava com ninguém, já não havia amizade, amor, afecto carinho … Tudo isso tinha desaparecido, desaparecido para sempre.
Tocou o despertador, acordei, levantei-me e a primeira coisa que fiz foi escrever uma carta para talvez um desconhecido, inventei uma morada, tudo isto porque necessitava de exprimir todo o meu sentimento, pode ser que essa pessoa gostasse de a ler.

___________________________________________________________________

Aconselho :





http://ritareitor.blogspot.com/



32 comentários:

  1. Quem me dera ser a sutuda, ou o surtudo que recebeu a carta.
    Escreves tão bem, amo-te.

    ResponderEliminar
  2. obrigada*
    O gostei do nome do teu blog, e deste texto (:

    ResponderEliminar
  3. Uma boa carta, de certeza que ia gostar de ler*

    ResponderEliminar
  4. muito obrgada mesmo .
    ainda bem que consigo agradar as pessoas com aquilo que escrevo (:

    ResponderEliminar
  5. Oh obrigado :)
    Se quiseres ver mais:http://olhares.aeiou.pt/CarlosCaetano

    ResponderEliminar
  6. oh obrigada :)
    adorei o nome do teu blog e os textos que escreves!
    Segui :)
    segues o meu? :$

    ResponderEliminar
  7. oh, obrigada.
    eu tambem gosto muito dos teus :)

    ResponderEliminar
  8. muito obrigada meu amor, tambem amo os teus.

    ResponderEliminar
  9. Obrigada, o teu também esta muito bonito :p

    ResponderEliminar
  10. e sonhos assim eu nao quero nao!

    bjo ;)

    ResponderEliminar
  11. A grande capacidade de mudança que os sonhos têm em nós, gostei (:

    ResponderEliminar
  12. Ainda bem que gostas, fico feliz por saber.
    Eu acho o nome do teu blogue, super original e escreves muito bem **

    ResponderEliminar

Seguidores